Pintura sobre fundo psicológico

Logo nas primeiras páginas de Entremeios, romance de estreia de Cássia Penteado, o leitor fica sabendo que a protagonista luta contra um mal dentro de si.

Artista plástica de renome internacional, a personagem deixa o sítio, onde se refugiou para superar uma estiagem criativa, a fim de passar por mais uma pesada bateria de exames e consulta ginecológica no hospital Sírio-Libanês, na capital paulista.

Na saída, enquanto divide sua atenção entre embarcar num táxi e checar, no celular, as mensagens do namorado, disparos de arma cortam o ar e, quando ela ainda tentar entender o que aconteceu, um homem cai morto diante de seus pés.

Esse é o giro de chave do livro da escritora e tradutora paulista. O choque causado pela visão do homicídio vai acordar, em sua protagonista, uma segunda personalidade (uma espécie de doppelgänger interno ou, metaforicamente, a personalização da doença que a carcome por dentro), mudando, inclusive, a condução narrativa.

Quando a outra identidade assume o controle, a narração guina da primeira para a terceira pessoa, em frases mais secas e calculadas.

De fato, a percepção mais notável está no comportamento.

O vigor artístico volta numa torrente de vermelho, junto ao anúncio de uma nova exposição. Sente-se mais produtiva, livre. Por outro lado, o relacionamento estável e carinhoso com Andrew, um músico estadunidense que vive em Nova Iorque, começa a dar sinais de desgaste, mesmo que se vejam esporadicamente.

Até que, numa viagem casual à Bahia, um encontro frugal termina numa explosão de brutalidade, desencadeando um estado intermitente de ataques de violência.

Cássia Penteado trabalha seu enredo em duas frentes estruturais: o traçamento do cenário externo (ora cosmopolita, ora rústico) e a articulação de um fundo psicológico, a partir das ações e reações (voluntárias e involuntárias) dessa personagem-narradora, que se reparte em duas.

Em ambos os casos, a autora se sai bem.

Sua escrita é elegante e dotada de uma plasticidade imagética, fortemente pleiteando uma aproximação estilística entre literatura e artes plásticas. Todos os capítulos são curtos, voltados para um cuidado com a arquitetura das cenas, que preservam o requinte e a sutileza mesmo nas passagens mais gráficas.

As transições e os fenômenos mentais que (des)governam a protagonista conseguem imprimir uma verdade para os contrastes agudos entre as personalidades, avançando pouco a pouco para um passado onde se localiza a origem do distúrbio (e sua primeira manifestação). Assim, temos uma trama levada por um fio condutor bem estabelecido, mas que sofre desvios abruptos em função dos atos dessa segunda persona imprevisível.

Não por menos, o romance troca constante de cidades, de modo a refletir a sensação de não pertencimento. Outros simbolismo também envolvem a feminilidade.

Entremeios, enfim, toca num tema pouco explorado pela prosa de ficção (talvez por conta de sua complexidade), que Cássia Penteado desenvolve com segurança, qualidade e tensão na medida certa. Uma estreia muito interessante, que merece a leitura.

 

 

***

 

 

Livro: Entremeios

Editora: Reformatório

Avaliação: Bom

3 comentários sobre “Pintura sobre fundo psicológico

  1. Muitíssimo interessante! Parabens pela critica! Aonde encontro o livro?

    Ler e poder visualizar a cena é algo fundamental para os dias de hoje diante de nossa cultura tão voltada a comunicação imagética.
    Fico curioso para me embrenhar nessa “realidade virtual” e explorar a mente de uma artista plástica em um momento de epifania!

    Curtir

    1. Pedro, obrigada pelo interesse. Você pode encontrar EntreMeios na livraria Zaccara em SP ou na luvraria do Espaço SP na Augusta, ou no site da Editora Reformatório. Boa leitura!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s